Solicite atendimento (16) 3102-6602  |  (16) 3102-0134  |  (16) 98157-3391
BLOG
Riscos do tártaro e como prevenir
18/07/2018

Assim como os seres humanos, os cachorros também desenvolvem o tártaro e isso muitas vezes é negligenciado pelos tutores de cães e gatos. Muitas vezes os donos não sabem nem em que estado estão os dentes do animal pois não tem o costume de checar a boca do cão com frequência.

Às vezes os dentes da frente parecem saudáveis mas os dentes de trás estão cheios de tártaro. Tenha o costume de sempre verificar como estão os dentes do seu cachorro e saiba identificar o tártaro.

Se você não se sente seguro para mexer na boca do cachorro (o ideal é acostumar desde filhote), leve-o no veterinário para que o profissional diga se o seu cão precisa da cirurgia de limpeza de tártaro.

O que é o tártaro?


O tártaro é uma placa de bactérias que vai acumulando com o tempo por conta de restos de comida. Mesmo que o cachorro só se alimente de ração seca, biscoitos crocantes para cachorro e petiscos que “limpam” os dentes, muitas vezes isso não é suficiente.

Os riscos do tártaro


O tártaro é um acúmulo de bactérias e ele vai consumindo a gengiva do animal. Conforme o avanço do tártaro, as bactérias podem entrar na corrente sanguínea e irem parar no coração, nos rins e fígado, levando até à morte do cachorro. Sim, tártaro pode matar seu cão.

Como evitar o tártaro?


É importante saber que o tártaro é uma questão de tendência. Alguns cães possuem o pH bucal que facilita o acúmulo do tártaro, assim como algumas pessoas tem mais tendência pra ter placa e outras não.

Normalmente, as raças pequenas são mais propensas a ter tártaro, mas isso não é uma regra. Cachorros grandes também podem ter tártaro e há cachorros pequenos que não tem essa tendência. Vai variar de acordo com o indivíduo.

A única forma de evitar o tártaro (ou prorrogar o aparecimento dele, caso seja um cão com mais tendência) é a escovação DIÁRIA. Sim, você precisa escovar os dentes do seu cachorro todos os dias. Veja aqui como escovar os dentes do seu cachorro.

A pasta de dente canina mais indicada pelos dentistas veterinários é a C.E.T da Virbac. Apesar de ser mais cara que outras pastas, ela é a mais recomendada pelos veterinários quando falamos de prevenir o tártaro. Você pode encontrá-la aqui.

Lembrando que se seu cachorro tiver muita tendência a tártaro, mesmo escovando o tártaro pode aparecer, porém se escovar todos os dias você vai adiar esse aparecimento.

Como saber se meu cão está com tártaro?


Um dos primeiros sintomas do tártaro é o mau-hálito. Às vezes você não vê tanta diferença na coloração dos dentes mas começa a sentir que o cão está com “bafo”, isso normalmente indica que o tártaro está se acumulando.

Os dentes afetados pelo tártaro ficam amarelos e vão passando pro marrom. Além disso, o tártaro começa a empurrar a gengiva, deixando-a vermelha, inflamada e em casos mais graves, correm o tecido gengival.

Em casos ainda mais graves, o cachorro para de se alimentar, pois o tártaro causa dor e o cachorro começa a evitar a mastigação.



Meu cão já está com tártaro, o que fazer?


Não procure soluções caseiras para acabar com o tártaro do seu cachorro, procure um veterinário e ele vai dizer se é necessária a cirurgia de limpeza de tártaro. Nada que você faça em casa vai eliminar o tártaro do seu cachorro uma vez que ele estiver instalado.

Como é o tratamento de tártaro em cães?


É feita uma cirurgia simples para a limpeza do tártaro, normalmente realizada por um odonto veterinário (dentista) e um anestesista. A anestesia mais indicada é a inalatória, por ser mais segura para a maioria dos cães.

São necessários exames pré-operatórios para ter certeza que seu cachorro está saudável para realizar o procedimento, que é simples e o cão volta pra casa no mesmo dia.



-----------------------------------------------------------------

Pesquisamos sobre os principais problemas que as pessoas que não tem um plano de saúde para seu pet passam e descobrimos 4 deles. O primeiro é o mais importante. Caso queira descobrir quais são é só clicar abaixo.

>>CLIQUE AQUI<<

Últimos posts
Problemas que as pessoas que não tem Plano Veterinário tem
24/08/2018
25 Curiosidades sobre cachorros
03/08/2018
Seu Pet está sempre com fome?
26/07/2018
Riscos do tártaro e como prevenir
18/07/2018
Seu Pet está sempre com fome?
07/05/2018
Por período
VETPLAN
Rua Triunfo, 1349 - Sala 306 - 3° Andar
Jardim Botânico - Ribeirão Preto /SP
CNPJ 01.336.509/0001-72
ATENDIMENTO COMERCIAL
De 2ª a 6ª feira das 8h as 18h
(16) 3102-6602   (16) 3102-0134
(16) 98157-3391 contato@vetplan.com.br
APLICATIVO VETPLAN
Use um leitor de QR code ou acesse https://applink.com.br/vetplan pelo celular
CURTA E SIGA
© 2018. VETPLAN. Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Opção Comunicação